quarta-feira, 21 de março de 2012

PLANEJAMENTO ANUAL 2ºANO


OBJETIVOS GERAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL:

  • Compreender a cidadania como participação social, assim como exercício de direitos e deveres políticos, civis e sociais, adotando no dia-a-dia, atitudes de solidariedade, cooperação e repúdio às injustiças, respeitando o outro e exigindo para si mesmo o respeito;
  • Posicionar-se da maneira crítica, responsável e construtiva nas diferentes situações sociais, utilizando o diálogo como forma de mediar conflitos e tomar decisões coletivas;
  • Conhecer características fundamentais do Brasil nas dimensões sociais, materiais e culturais como meio para construir progressivamente a noção de identidade nacional e pessoal, sentimento de pertinência ao País;
  • Conhecer e valorizar a pluralidade do patrimônio sócio-cultural Brasileiro, bem como os aspectos sócio-culturais de outros povos e nações, posicionando-se contra qualquer discriminação baseada em diferenças culturais, de classe social, crenças, de sexo, de etnia ou outras características individuais e sociais;
  • Perceber-se integrante, dependente e agente transformador do ambiente, identificando seus elementos e as interações entre eles, contribuindo ativamente para a melhoria do meio ambiente;
  • Desenvolver o conhecimento ajustado de si mesmo e o sentimento de confiança em suas capacidades afetiva, física, cognitiva, ética, estética, de inter-relação pessoal e de inserção social, para agir com perseverança na busca de conhecimento no exercício da cidadania;
  • Conhecer e cuidar do próprio corpo, valorizando e adotando saudáveis como um dos aspectos básicos para a qualidade de vida e agindo com responsabilidade em relação à sua saúde coletiva;
  • Utilizar as diferentes linguagens: verbal, matemática, gráfica e plástica corporal, como meio para produzir, expressar e comunicar suas idéias, interpretar e usufruir das produções culturais, em contextos públicos e privados, atendendo a diferentes intenções e situações de comunicação;
  • Saber utilizar diferentes fontes de informação e recursos tecnológicos para adquirir e construir conhecimentos;
  • Questionar a realidade formulando-se problemas e tratando de resolvê-los, utilizando para isso o pensamento lógico, a criatividade, a intuição, a capacidade de análise crítica, selecionando procedimentos e verificando sua adequação.


COMPONENTE CURRICULAR: LINGUA PORTUGUESA

I – OBJETIVOS GERAIS:
  Desenvolver as competências lingüísticas da alfabetização, fundamentadas em cinco grandes eixos:
·        Eixo da compreensão e valorização da cultura escrita;
·        Eixo da apropriação do sistema de escrita;
·        Eixo da leitura;
·        Eixo da produção de textos escritos;
·        Eixo do desenvolvimento da oralidade;
·        Conhecer e respeitar as variedades lingüísticas;
·        Valer-se da linguagem para melhorar a qualidade de suas relações pessoais.

II – OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
1 – Linguagem escrita:
·        Conhecer, utilizar e valorizar os modos de produção e de circulação da escrita na sociedade;
·        Conhecer os usos e funções sociais da escrita;
·        Desenvolver habilidades necessárias para o uso da escrita no contexto escolar;
·        Conhecer o alfabeto;
·        Compreender a natureza alfabética do sistema de escrita;
·        Dominar as relações entre grafemas e fonemas;
·         Reconhecer as unidades sonoras do sistema fonológico;
·        Dominar convenções gráficas da escrita da Língua Portuguesa;
·        Produzir textos escritos de gêneros diversos, adequados aos objetivos, ao destinatário e ao contexto de circulação.

2 – Linguagem oral:
·        Participar das interações cotidianas em sala de aula: escutando com atenção e compreensão, respondendo às questões propostas pelo (a) professor (a);
·        Respeitar a diversidade das formas de expressão oral manifestas por colegas, professores e funcionários da escola, bem como por pessoas da comunidade extra-escolar;
·        Usar a língua falada em diferentes situações escolares, buscando empregar a variedade lingüística adequada;
·        Planejar a fala em situações formais;
·        Realizar com pertinência tarefas cujo desenvolvimento dependa de escuta atenta e compreensão.

3- Leitura:
·        Desenvolver atitudes e disposições favoráveis à leitura;
·        Desenvolver habilidades de decifração: saber decodificar palavras, saber ler reconhecendo globalmente as palavras;
·        Desenvolver fluência em leitura;
·        Desenvolver a competência leitora e a habilidade de utilizar diferentes estratégias de leitura, projetando o sentido do texto para outras vivências, outras realidades;
·         Compreender textos identificando finalidades e funções da leitura;
·        Compreender textos antecipando conteúdos a serem lidos em função de seu suporte, seu gênero e sua contextualização;
·        Fazer inferências;
·        Unificar e inter-relacionar informações explícitas e implícitas no texto;
·        Avaliar ética e afetivamente o texto.

III – CONTEÚDO:
1º Bimestre:
·        Socialização e integração da criança;
  • Identificação do nome completo pelo aluno;
  • Percepção visual e auditiva;  
  • O alfabeto e diferentes tipos de letras (vogais e consoantes/ ordem alfabética das letras e palavras);
  • Convenções gráficas como orientação e alinhamento da escrita, função de segmentação dos espaços em branco e da pontuação de final de frase;
  • Trabalho com gêneros textuais diversos (poemas, quadrinhas, parlendas, trava- línguas, cantigas, contos de fada, fábulas, notícias, bilhete, anúncio, propaganda, história em quadrinhos, adivinhas, piadas, ilustrações, utilitários instrucionais, textos que ensinam a jogar, brincar, etc);
  • Dinamização da leitura (textos que sabem de memória, listas de palavras, etc);
  • Participação em atividades orais como reconto, reproduzindo oralmente uma narrativa lida pelo (a) professor (a) e atividades escritas como formação de palavras com letras móveis, cruzadinhas, caça-palavras entre outras;
  • Princípios ortográficos regulares entre grafemas (letra) e fonemas (som);
  • Reconhecimento de palavras e unidades fonológicas ou segmentos sonoros como rima aliterações e sílabas.

2º Bimestre:
·        Produção de relatos e textos orais individuais e coletivos;
  • Leitura e escrita de palavras familiares, palavras com grafia desconhecida e de sentenças com pequena extensão (Quem? O que faz? Onde?)
  • Trabalho com gêneros textuais diversos;
  • Ordem alfabética das palavras;
  • Leitura;
  • Interpretação;
  • Reescrita e produção de texto coletiva;
  • Estruturação do texto, atentando para organização das ideias, paragrafação e discurso;
  • Emprego da pontuação (ponto final, interrogação, exclamação, vírgula, travessão) e da acentuação (til, agudo, circunflexo e cedilha)- dentro do contexto das produções coletivas;
3º Bimestre:
·        Produção de pequenos textos orais e escritos, realizados em dupla, individual ou coletivamente, como bilhetes, convites, fichas técnicas, etc;
  • Trabalho com gêneros textuais diversos;
  • Leitura;
  • Interpretação (identificação da idéia central dos textos lidos);
  • Reconto e reescrita coletiva de narrativas;
  • Ordem alfabética das palavras;
  • Dramatização de lendas;
  • Estruturação textual (espaçamento, margem, parágrafo)
  • Emprego correto do ponto final (exclamação, interrogação, travessão), da acentuação (especialmente til e cedilha) e da letra maiúscula em início de frase e nomes próprios.
  • Princípios da ortografia (regularidades e irregularidades ortográficas).

4º Bimestre:
·        Redigir textos adequados ao gênero, ao objetivo, ao destinatário e às convenções gráficas e ortográficas apropriadas, considerando o tema central;
  • Introduzir a revisão textual, que é o domínio da reelaboração da própria escrita, segundo critérios adequados aos objetivos;
  • Trabalho com gêneros textuais diversos;
  • Leitura;
  • Interpretação;
  • Reconto;
  • Reescrita;
  • Gramática (substantivo: gênero, número e grau; adjetivos, sinônimos e antônimos)- sem cobrar terminologia;
  • Ortografia (regularidades e irregularidades ortográficas).

IV – ESTRATÉGIAS DE ENSINO:
·        Dinâmicas;
  • Dramatização de histórias;
  • Confecção de livros;
  • Roda de leitura;
  • Leitura colaborativa;
  • Projetos de leitura e escrita;
  • Socialização de idéias;
  • Cruzadinhas, caça-palavras, texto lacunado, texto fatiado;
  • Ditado visual, ditado recortado, ditado dirigido;
  • Relatos de experiências vivenciadas pela criança;
  • Hora do conto: histórias lidas pelo (a) professor (a): narrativas, contos, lendas, leitura em episódios, etc.

­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­VI- RECURSOS:
    . Crachá;
    . Vídeo;
    . CD de músicas e cantigas;
    . Cartazes e fichas de leitura;
    . Materiais gráficos e impressos;
    . Letras móveis;
    . Uso de rótulos;
    . Livro didático;
   . Jogos (bingo, joga da memória, dominó de figuras e palavras, adedanhas, forca, etc);
   . Lousa digital. 

COMPONENTE CURRICULAR: MATEMÁTICA

 I– OBJETIVOS GERAIS:
  • Identificar os conhecimentos matemáticos como meio para compreender e transformar o mundo em sua volta;
  • Selecionar, organizar e produzir informações relevantes, para interpretá-las e avalia-las criticamente;
  • Comunicar-se matematicamente, ou seja, descrever, representar e apresentar resultados com precisão e argumentar sobre suas conjecturas;
  • Fazer observações sistemáticas de aspectos quantitativos e qualitativos, do ponto de vista do conhecimento, e estabelecer o maior número possível de relações entre eles, utilizando para isso conhecimentos matemáticos;
  • Resolver situações problemas, sabendo validar estratégias e resultados, desenvolvendo formas de raciocínio, utilizando conceitos matemáticos;
  • Estabelecer conexões entre temas matemáticos de diferentes campos e entre esses temas e conhecimentos de outras áreas curriculares;
  • Sentir-se seguro da própria capacidade de construir conhecimentos matemáticos, trabalhando coletivamente na busca de soluções para problemas opostos, respeitando colegas e aprendendo com eles;
  • Interagir com seus pares de forma cooperativa, trabalhando na busca de soluções para problemas propostos.

II – OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
1-Números:
  • Realizar a contagem dos elementos de um grupo e representa-las simbolicamente;
  • Usar adequadamente os numerais ordinais como indicadores de posição;
  • Fazer comparações de grandezas usando maior e menor;
  • Formular hipóteses sobre a escrita numérica, pela identificação da posição ocupada pelos algarismos;
  • Identificar regularidades na seqüência numérica, para nomear, ler, escrever, comparar e ordenar números naturais até 100;
  • Reconhecer as características do sistema de numeração decimal como base e valor posicional;
  • Organizar os dados numéricos de uma pesquisa simples;
  • Formar pares com a quantidade de elementos de um grupo e identificar se essa quantidade representa um número par ou ímpar;
  • Calcular a metade um número para resolver problemas;
  • Reconhecer a dúzia como agrupamento de doze unidades e meia dúzia como agrupamento de seis unidades, em situações de seu cotidiano.

2- Operações:
·        Construir os fatos fundamentais da adição com dois ou mais números naturais sem reagrupamento e soma até 99;
·        Construir os fatos fundamentais da subtração sem reagrupamento (minuendo e subtraendo menores que 100);
·        Construir os fatos fundamentais da multiplicação, a partir de situações-problemas;
·        Analisar, interpretar e resolver situações associando a multiplicação a uma adição de parcelas iguais, bem como à organização retangular, ao pensamento combinatório e à proporcionalidade;
·        Efetuar adições, subtrações e multiplicações por meio de estratégias pessoais de cálculo mental e técnicas convencionais;
·        Usar a calculadora para desenvolver estratégias e conferências de cálculos;
·        Reconhecer e aplicar as propriedades da adição, da subtração e da multiplicação na realização de cálculos;
·        Fazer estimativas para avaliar a adequação de um resultado e de um produto;
·        Analisar, interpretar e resolver situações-problemas, compreendendo as idéias de juntar e acrescentar, bem como as ideias de tirar, comparar e completar;
·        Analisar e interpretar a idéia de repartir em partes iguais e de medir;
·        Interpretar tabelas e gráficos de colunas na resolução de situações-problemas.

3- Espaço e forma:
  • Montar sólidos geométricos utilizando moldes;
  • Perceber a forma como um atributo dos objetos;
  • Comparar os sólidos, identificando-os e classificando-os pelas semelhanças e diferenças;
  • Reconhecer as características dos sólidos que rolam com facilidade e as dos que não rolam com facilidade;
  • Relacionar a forma dos sólidos com as formas de alguns objetos que são familiares;
  • Identificar superfícies planas e não-planas.

4 – Grandezas e medidas:
  • Reconhecer e ordenar os dias da semana, os meses e o ano;
  • Resolver problemas ligados à vida real, usando hora e calendário;
  • Reconhecer a importância da organização do dia;
  • Reconhecer e efetuar a leitura de horas;
  • Reconhecer cédulas e moedas do Real e as possíveis trocas entre elas em função de seus valores;
  • Comparar grandezas de mesma natureza com unidades padronizadas e não padronizadas, por meio de estratégias pessoais;
  • Reconhecer diferentes instrumentos para medir (comprimentos, massas, líquidos) e a importância do uso desses instrumentos;
  • Reconhecer que a medida de um comprimento depende da unidade escolhida como padrão;
  • Fazer medições usando qualquer comprimento como unidade de medida;
  • Comparar comprimentos;
  • Construir instrumentos de medida e realizar medições em situações do cotidiano;
  • Utilizar o litro para medir a quantidade de líquido que cabe em um recipiente;
  • Usar o quilograma como unidade de base para medir massa;
  • Comparar a massa de dois corpos;
  • Usar o metro como unidade de base nas medições;
  • Resolver situações-problemas ligados à vida real, usando o litro e o quilograma.

5 – Tratamento da informação:
·        Explorar o número como código na organização de informações (telefone, identidade, roupas, calçados, etc);
·        Identificar o uso de tabelas e gráficos para facilitar a leitura e a interpretação de informações e construir formas pessoais de registro para comunicar informações coletadas.

III – CONTEÚDO:
1º Bimestre:
·        Simbolização matemática e suas representações;
·        Classificação (por forma, por tamanho e por cores);
·        Seriação (ordenar por conjuntos objetos diferentes entre si);
·        Números no dia a dia (sequência numérica, quantidade);
·        Comparação de quantidades (mais, menos; igual, diferente);
·        Calendário;
·        Sistema de numeração decimal- o número dez, as dezenas, os números de 11 a 30;
·        Situação-problema ilustrada;
·        Fatos fundamentais da adição (as ideias de juntar e acrescentar, adição com duas ou mais parcelas);
·        Gráficos e tabelas;
·        Ordem crescente e decrescente.

2º Bimestre:
·        Números naturais: 0 a 50;
·        Leitura e escrita de numerais
·        Sistema de numeração decimal: composição e decomposição de números;
·        A idéia de metade;
·        Meia dezena;
·        Dúzia e meia dúzia;
·        Fixação da técnica operatória da adição;
·        Adição: soma até 99
·        Fatos fundamentais da subtração (as idéias de tirar, comparar e completar);
·        Gráficos e tabelas;
·        Calendário;
·        Resolução de situações problema;
·        Ordem crescente e decrescente;
·        Sistema monetário (utilização concreta do dinheirinho).

3º Bimestre:
·      Números naturais até 70;
  • Leitura e escrita de números naturais;
  • Sistema de numeração decimal: composição e decomposição de números;
  • Fixação das técnicas operatórias da adição e subtração;
  • Subtração sem reagrupamento;
  • Introdução à multiplicação (as idéias de adicionar quantidades iguais, organização retangular, proporção e das combinações);
  • Tabuadas do 1, 2 e 3;
  • Números pares e ímpares;
  • Sistema monetário (utilização concreta do dinheirinho);
  • Gráficos e tabelas;
  • Ordenação de números (numerais ordinais);
  • Calendário.

4º Bimestre:
·        O relógio;
  • Leitura e escrita de numerais até 99;
  • Adição, subtração e multiplicação: técnicas operatórias e situações problemas;
  • Noções de unidades padrões utilizadas no dia a dia: medida de comprimento (metro, centímetro), medida de massa (quilo) e medida de capacidade (litro);
  • Tabuadas do 4 e 5;
  • Noções de geometria (a forma dos objetos, figuras geométricas planas, sólidos geométricos, vista de frente, de cima e de lado, linha reta e linha curva)
  • Noções de divisão (a idéia de medir: quantos grupos são? E a idéia de repartir em partes iguais);
  • O número 100;
  • Calendário;
  • Gráficos e tabelas.

VI – ESTRATÉGIAS DE ENSINO:
  • Material manipulável;
  • Jogos didáticos;
  • Material dourado;
  • Caderno quadriculado;
  • Utilização do tangram, música, fichas e figuras geométricas;
  • Bingo;
  • Ditado de números;
  • Pesquisas;
  • Desafios;
  • Uso do calendário e do relógio;
  • Uso do livro didático;
  • Dominó comum;
  • Cédulas sem valor e feirinhas com sucatas.

COMPONENTE CURRICULAR: CIÊNCIAS

I – OBJETIVOS GERAIS:
  • Compreender a natureza como um todo dinâmico, sendo o ser humano parte integrante e agente de transformação do mundo em que vive;
  • Compreender a saúde como um bem individual comum que deve ser promovido pela ação coletiva
  • Compreender a tecnologia, como meio para suprir as necessidades humanas, distinguindo usos corretos e necessidades daqueles prejudiciais ao equilíbrio da natureza ao homem.

II – OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

1 – Ambiente:
·        Identificar a presença comum de água, seres vivos, ar, luz, solo e características específicas dos ambientes diferentes;
·        Estabelecer relações entre características e comportamentos dos seres vivos e condições do ambiente em que vivem;

2 – Ser humano e saúde:
  • Observar e identificar algumas características do corpo humano;
  • Valorizar atitudes e comportamentos favoráveis à saúde, em relação à alimentação e à higiene pessoal, desenvolvendo responsabilidade no cuidado com o próprio corpo e com os espaços que habita;

3- Tecnologia:
  • Reconhecer os materiais que o homem retira da natureza para a produção de objetos, medicamentos, etc;
  • Reconhecer que o homem lança produtos tóxicos no ambiente.

III – CONTEÚDO:
1º Bimestre:
·        Comparando seres e objetos;
  • Características dos seres vivos;
  • Animais: suas características e semelhanças, sua locomoção, o corpo dos animais e alimentação;
  • Combate a dengue;
  • Projeto Água.

2º Bimestre
  • Projeto Meio Ambiente (os recursos naturais- a água, o ar e o solo; o lixo e a coleta seletiva; a reciclagem; poluição; etc).

3º Bimestre:
·        Plantas: tipos de plantas, partes da planta e suas funções, utilidades das plantas na alimentação, ornamentação, medicina, etc,
  • Dia e noite: o sol e a lua.

4º Bimestre:
  •  O corpo humano: higiene (asseio corporal, pediculose, combate às cáries),  saúde (alimentação), as diferenças e semelhanças entre as pessoas em geral, os órgãos do sentido.

III – ESTRATÉGIAS DE ENSINO:
  Trabalho de campo para observação, coleta de dados e materiais;
  • Utilização de várias fontes de informação: textos, filmes, fotografias, livros, revistas jornais, recortes e colagens;
  • Elaboração de relatos orais, desenhos e colagens das experiências vividas e observadas;
  • Confecção de livros;
  • Utilização da lousa digital.

COMPONENTE CURRICULAR: HISTÓRIA

I – OBJETIVOS GERAIS:
·        Identificar o próprio grupo de convívio, que estabelecem com outros tempos e espaços;
  • Organizar repertórios histórico-cultural, localizando acontecimentos de tempo, formulando explicações para algumas questões do presente e do passado
  • Conhecer e respeitar o modo de vida de diferentes grupos sociais, reconhecendo diferenças e semelhanças entre eles;
  • Reconhecer mudanças e permanências presentes na sua realidade;
  • Utilizar métodos de pesquisa e de produção de textos de conteúdo histórico;
  • Valorizar o patrimônio sócio-cultural e respeitar a diversidade como um direito dos povos e fortalecimento da democracia;
  • Questionar sua realidade, identificando alguns problemas e refletindo sobre algumas possíveis soluções.

II – OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
1 – História local e cotidiano:
  • Reconhecer algumas semelhanças e diferenças sociais existentes no seu grupo de convívio escolar e na sua localidade;
  • Estabelecer relações de tempo e espaço;
  • Identificar as relações sociais no espaço em que a criança vive.

III – CONTEÚDO:
1º Bimestre:
  • “Eu sou assim”: identificação dos dados pessoais do aluno- nome, nome dos pais, de pessoas com as quais convivem, data e local de nascimento, local onde mora, escola que estuda;
  • “Nós, as crianças”: semelhanças e diferenças (preferências, respeitando as diferenças, relacionamentos, ambiente);
  • Projeto Município (150 anos do município de Araras)
  • “As brincadeiras tem história”: resgate da história das brincadeiras do passado e do presente (entrevista e pesquisa com familiares);
  • Datas comemorativas.

2º Bimestre:
·        “Cada pessoa tem uma história”: família; parentes, o dia a dia das famílias, períodos do dia; o lazer em família, construindo minha árvore genealógica;
  • “O tempo não para”: o tempo em nossa vida (as pessoas mudam com o tempo; o dia a dia de cada um; maneiras de marcar a passagem do tempo );
  • Linha do tempo: organização dos fatos da história da vida;
  • Datas comemorativas.

3º Bimestre:
·        Folclore;
  • Meios de transporte;
  • Datas comemorativas.

4º Bimestre:
·        Meios de comunicação;
  • Datas comemorativas.

IV – ESTRATÉGIAS DE ENSINO:
  • Relatos orais e escritos de atividades vivenciadas pelos alunos;
  • Pesquisas, recortes, colagens de jornais e revistas;
  • Propor atividades que estabeleçam relações entre fatos presentes, próximos e remotos;
  • Questionamentos;
  • Desenhos;
  • Conversa informal.

COMPONENTE CURRICULAR: GEOGRAFIA

I – OBJETIVOS GERAIS:
  • Saber observar como a sua comunidade lida com as diversas manifestações da natureza e compreender que essas manifestações, muitas vezes, determinam a maneira com que o espaço que a criança vive é ocupado;
  • Conhecer e comparar a natureza da paisagem local com a de outras paisagens;
  • Reconhecer semelhanças e diferenças nas formas com que os diferentes grupos sociais lidam com as manifestações da natureza, relacionando atitudes desses grupos com trabalho, hábitos cotidianos e lazer;
  • Adquirir uma atitude responsável em relação à preservação da natureza.

II – OBJETIVOS ESPECÍFICOS:
1 – Natureza e transformação da natureza:
  • Os alunos devem ser capazes de identificar, em seu cotidiano, manifestações da relação entre sociedade e natureza.


2 – Ambiente e conservação do ambiente:
  • Saber comparar as características da paisagem local com as de outros lugares;
  • Proporcionar a compreensão das diferentes relações que a criança estabelece com a natureza no seu dia-a-dia, através de proteção, preservação do ambiente, em relação ao lixo, saneamento básico e abastecimento de água.


3 – Lugar e paisagem:
  • Ler e interpretar o espaço, perceber a presença da natureza em tudo o que está visível, ou não, na paisagem local.


III – CONTEÚDO:
1º Bimestre:
  • “O meu lugar, o seu lugar”- a moradia da criança, o lado de dentro, o lado de fora, os lugares e as pessoas que a criança conhece; partes da casa, limpeza e organização das casas;
  • “A rua”- as diferenças, as modificações, os vizinhos, o endereço, o caminho para a escola;
  • “O indígena”- a moradia, o trabalho, a alimentação, o artesanato, seus recursos, o espaço onde vivem.

2º Bimestre:
·        “A nossa escola” – a sala de aula e seus objetos, planta da escola, localização;
  • A função de cada um dentro da escola.

3º Bimestre:
  • Os lugares e suas paisagens (paisagem natural e modificada) - os elementos, as transformações pelos indivíduos, pelas indústrias, para criação de animais e plantações;
  • Os lugares são diferentes (comparação de diferentes ambientes e paisagens);
  • As regras de trânsito.

4º Bimestre:
·        Mapas (da classe, do bairro, do município)
  • “O africano” e sua contribuição à nossa cultura (suas características, alimentação, esportes...)

IV – ESTRATÉGIAS DE ENSINO:
  • Conversas entre os alunos e professor para que eles nos informem sobre a convivência deles com seus familiares;
  • Identificação e distinção da paisagem natural e da paisagem modificada pelo homem dentro e fora da sala de aula;
  • Desenhos, recortes e colagens;
  • Passeio pela escola e pelo bairro;
  • Cruzadinhas;
  • Pesquisa em livros, folhetos, jornais, etc;


AVALIAÇÃO

·        Em um trabalho voltado para o desenvolvimento do pensamento reflexivo, a avaliação é entendida como parte constitutiva do processo de aprendizagem, portanto, cada aluno será observado individualmente, levando em conta suas características cognitivas, sociais e emocionais.
·        A avaliação será contínua, ou seja, deverá acontecer durante todo o processo e, imediata, ou seja, ao término de uma etapa de trabalho, ou ao final de um bimestre, norteando dessa maneira as ações pedagógicas para um constante planejar e replanejar de situações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário